Dos meus dias

Viver consiste em construir recordações futuras. (Ernesto Sábato)

nó na garganta

Deixe um comentário

Está a aproximar-se o momento da verdade: ou aceito um convite que me foi endereçado e enfrento o “monstro” que ando a evitar há demasiado tempo, ou fico aqui no meu canto e mantém-se tudo igual. Se ficar na minha bolha de conforto e esperar que o tempo decida as coisas por si (que é o que andamos a fazer desde sempre) é confortável para várias pessoas (incluindo eu, convenhamos). Se romper a protecção será uma pedrada no charco, o que poderá causar uma tempestade cujas ondas de choque chegarão, inevitavelmente, até mim. Daqui a pouco, quando o telefone tocar, logo se vê.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s