Dos meus dias

Viver consiste em construir recordações futuras. (Ernesto Sábato)

dias tortuosos

Deixe um comentário

Ser obrigada a escrever, sem o mínimo de inspiração. Ver as horas, os dias e as semanas a passar a ritmo alucinante, inversamente proporcional ao rendimento do nosso trabalho. Ligar o computador e abrir um documento que em nada progrediu desde a última vez. Ter os amigos a perguntar por nós – ao menos um café… – e sentir-me culpada. Porque sim, porque não. E para cúmulo, ir almoçar à praia e ter de ir embora na melhor hora, de volta aquilo que devia ser um capítulo e não passa de meia dúzia de tretas escritas em outras tantas páginas.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s