Dos meus dias

Viver consiste em construir recordações futuras. (Ernesto Sábato)

auto-censura

Deixe um comentário

Sinto-me particularmente irritada quando tenho de lidar com pessoas que escondem o jogo. Que não dizem exactamente quais são os seus objectivos. Que afirmam que têm que pensar sobre o assunto quando já têm bem claro nas suas cabeças qual é o caminho que pretendem seguir. Mas fico bem mais irritada por me estar a irritar com o caso! É que nada disto devia ser novidade. Há meses que esta conversa dura e eu, em vez de a ignorar e usar a mesma estratégia, continuo atrás da pessoa à espera de compreender exactamente qual é a sua posição nesta história. Estúpida, é o que sou. Estúpida e crente, pois já devia ter aprendido que cada um trata da sua vidinha e está-se nas tintas para o vizinho. Mas não. Prefiro continuar a não querer acreditar que as pessoas mudam assim tanto. Burra! Três vezes burra!!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s